domingo, 20 de novembro de 2016

E amanhã vamos todos de pijama para a escola, por uma boa causa <3 span="">
Poema, escrito por mim ,inspirado na história do livro
“A fada partiu a asa”
NESTE NOSSO BELO MUNDO,
NESTE MUNDO BEM REAL,
SEMPRE EXISTEM E EXISTIRAM,
AS FADAS DO BEM E DO MAL.
FADAS QUE NÃO SÃO VISÍVEIS,
MAS QUE SABES ESTÃO AQUI,
PORQUE SENTES UMA BRISA,
UM PERFUME POR AQUI.
FADAS BOAS QUE AJUDAM,
TODO O PAI A EDUCAR,
OS SEUS FILHOS AO NASCER,
E ENQUANTO DELAS PRECISAR.
FADAS QUE AMAM E CUIDAM,
QUE VELAM TEU SONO AO DEITAR,
QUE NÃO DEIXAM, QUE OS MONSTROS,
TEUS SONHOS VENHAM PERTURBAR.
FADAS QUE ORIENTAM A VIDA
QUE VALORES VÃO INCUTIR,
BONDADE, PARTILHA, JUSTIÇA,
RESPONSABILIDADE, NÃO MENTIR.
FADAS QUE TE SUSURRAM,
NÃO PODES POR AÍ IR,
DÁ A VOLTA, É MAIS SEGURO,
ESTE É O CAMINHO A SEGUIR.
MAS DEPOIS HÁ AS OUTRAS FADAS,
AS DIABRETE, AS DO MAL,
QUE SÓ TRAZEM PROBLEMAS,
TE ENSINAM A SER DESLEAL.
INCENTIVAM-TE A BRIGAR,
AOS PAIS NÃO OBEDECER,
OS AMIGOS NÃO RESPEITAR,
OS DEVERES NÃO FAZER.
DIZEM QUE ESTAS FADAS,
ESTÃO NOS RELÓGIOS METIDAS,
DISFARÇADAS POR UM CUCO,
EM TODAS AS HORAS DA VIDA.
ENTÃO COMO VAMOS AGIR,
PARA ESTE PROBLEMA SOLUCIONAR,
COMO PODEMOS NÓS,
AS FADAS DIABRETE ANULAR?
DIZEM QUE QUANDO ÀS CRIANÇAS,
UMA HISTÓRIA SE CONTAR,
NASCE UMA FADA DO BEM,
UMA PRONTA A AJUDAR.
ENTÃO MEUS AMIGOS,
HISTÓRIAS É PRECISO CONTAR,
PARA QUE AS NOSSAS CRIANÇAS,
SÓ APRENDAM A AMAR!
PORQUE AS HISTÓRIAS SÃO MAGIA,
SÃO ALEGRIA E PRAZER,
E NUM” Era uma vez”
TUDO PODE ACONTECER 
Maria do Rosário Macedo (Rosarinho)

domingo, 2 de outubro de 2016

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Bom ano letivo 2016/17




A todos os que iniciam o seu ano em creche ou jardim de infância, os meus votos de um ano repleto de Crescimento, Amor e Alegria 

sábado, 18 de junho de 2016

Na praia, poesia

Mais uma poesia escrita para os meus meninos cantarem enquanto atravessamos o areal para ir tomar um banho :)

As rimas e as poesias podem desenvolver a linguagem, o sentido rítmico, o espírito de grupo e a aquisição de conceitos .

domingo, 29 de maio de 2016

prudência, poesia

Mais um poema escrito para trabalhar em sala com as minhas crianças, mas que aqui partilho pois sei que pode ser útil para outras colegas, enquanto não publico em livro :)

terça-feira, 24 de maio de 2016