terça-feira, 24 de novembro de 2009

Crescer (poesia)


Para o meu filho Hugo, que foi um bebé lindo, uma criança adorável, um adolescente muito autónomo, um jovem independente, que é um adulto integro, de que me orgulho muito.

CRESCER

MENINO OLHA PARA O MUNDO
ABRE OS OLHOS E VÊ BEM,
E VÊ QUE BEM LÁ NO FUNDO
TU ÉS CRESCIDO TAMBÉM.

ÉS CRESCIDO QUANDO BRINCAS
E CONSTRÓIS PONTES E CASAS,
E QUANDO AS FOLHAS TU PINTAS
E NOS MENINOS PÕES ASAS.

ÉS CRESCIDO QUANDO À NOITE
TU ACORDAS E TENS MEDO,
MAS FECHAS OS OLHOS E DORMES
E GUARDAS O TEU SEGREDO.

ÉS CRESCIDO QUANDO CORRES
COM ALEGRIA, CONTRA O VENTO
E TU SABES QUANDO PODES,
RESPIRAR, GANHAR ALENTO.

ÉS CRESCIDO QUANDO A SORRIR
TU OLHAS O TEU AMIGO,
E ACEITAS A DIFERENÇA
E SABES QUE NÃO HÁ PERIGO.

ÉS CRESCIDO E NÃO SABES
E NESSE TEU NÃO SABER,
ÉS MAIS CRESCIDO QUE OS HOMENS,
CRESCERAM, NÃO SABEM VER.

Rosário Macedo/Outubro 2003

1 comentário:

  1. gostei muito, muito sentido e verdadeiro.bjs
    Maria

    ResponderEliminar